• Be Brasil
  • Inovação e tecnologia

jan 10, 2018
Inovação e tecnologia

Samsung usa tecnologia brasileira para melhorar experiência do usuário

Em 2004, a Samsung lançou o SIDI, um centro de pesquisa e desenvolvimento sustentável em Campinas. O objetivo, segundo a empresa coreana, era o de “desenvolver soluções inovadoras e modernas em software e serviços para ajudar os clientes da Samsung”. Os pesquisadores brasileiros que trabalham no centro certamente têm saído melhor que a encomenda.

Uma das últimas criações do SIDI é o aplicativo SoundAssistant, que dá a usuários um maior nível de controle sobre o som nos diversos aplicativos. Com o SoundAssistant, usuários de telefones e tablets da Samsung podem redefinir as preferências de som nos mínimos detalhes – e definir cenários em que essas configurações podem sofrer alteração. Por exemplo, é possível escolher se notificações poderão interromper a música sendo tocada no telefone – sem ter que colocar o aparelho no modo silencioso.

Considerado um “aplicativo profissional para controle de áudio”, o SoundAssistant tem mais de 150 opções diferentes. Elas incluem controles de notificações, de acordo com cada aplicativo. Além disso, aplicativos de músicas podem ser emparelhados diretamente com aparelhos por meio de Bluetooth ou em fones de ouvido.

Os laboratórios do SIDI viraram um celeiro de inovação para Samsung, empregando mais de 250 pessoas atualmente. O centro de pesquisa brasileiro é tão bem sucedido que, em 2006, dois anos após sua criação, o gigante da telefonia investiu 300 mil dólares em uma parceria com o CESAR – Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife, um dos laboratórios de tecnologia mais importantes do Brasil.

A Samsung tem uma participação de 40% no mercado brasileiro de produtos para smartphones. Assim como o Google, um dos concorrentes dos coreanos, a Samsung investe em profissionais brasileiros – reconhecidamente inovadores e versáteis.

Além do SoundAssistant, o SIDI já criou outros aplicativos de sucessos. Samsung Concierge, por exemplo, oferece uma linha exclusiva para solucionar qualquer dúvida em relação a produtos da empresa coreana – hardware, sistemas, ou aplicativos.

O SIDI também desenvolveu o Samsung Kids Mode, lançado em 2015 durante o Mobile World Congress, em Barcelona. O aplicativo foi descrito como “playground digital para crianças”, que traz uma série de opções seguras de conteúdo para os pequenos, criando um ambiente confiável para pais preocupados com os perigos que a internet traz para crianças.

Em Manaus, a Samsung abriu um outro laboratório, focado em desenvolvimento de televisores digitais e smart. Você pode até não saber, mas a cada vez que você usa um produto Samsung, você pode estar usando tecnologia brasileira.