• Be Brasil
  • Indústrias criativas

abr 03, 2017
Indústrias criativas

Brasil mostra design criativo em Milão

Brasileiros são dotados de um espírito criativo, que transforma desafios em oportunidades, levando o país a uma posição de destaque no mercado global de inovação. Esse espírito criativo e inovador brasileiro será mostrado no ISaloni, em Milão, a maior exposição de mobiliário no mundo.

Além disso, o ISaloni une inovação e design em tecnologia, arte, moda, telecomunicações e gastronomia. 60 empresas brasileiras, selecionadas a dedo pela Agência de Promoção das Exportações, Apex-Brasil, vai representar o que o design brasileiro tem de mais inovador.

Um desses exemplo é Inês Schertel, que incorpora tecnologia moderna em desenhos deslumbrantes. Schertel more com o marido em uma fazenda de ovelhas no Rio Grande do Sul. Ela, que já morou vários anos na Itália e Holanda, além de visitar comunidades nômades no Quirguistão, sempre observou com atenção trabalhos com lã.

A artista então trouxe conceitos de “slow-design” e aplicou à lã produzida em sua fazenda.

Depois de cardadas e penteadas, as camadas de lã recebem sabão de oliva e água. Isso dispara um lento e irreversível processo que endurece a lã. Com mais rigidez, a lã fica no ponto ideal para a manipulação da artista. Enquanto a lã ainda está úmida, Schertel pode moldá-la como quiser.

Durante suas viagens, Schertel observou o imenso potencial da lã. O que mais a impressionou foi o uso de tribos do Quirguistão para a construção de tendas. Apesar de Schertel se dedicar a produtos bem menores, ela consegue criar lindas peças de almofadas e coberturas para sofás.

“A transformação de lã em feltro é realizada pelos povos da Ásia central há mais de 9 mil anos. Fico feliz de poder agregar uma visão fresca e atual a essa técnica superdurável que data da Idade da Pedra”, ela contou à Casa Vogue.

Ela acrescenta: “Além de bela, a lã natural é mais resistente, renovável e biodegradável, características muito condizentes com a época em que vivemos”.

Além de mobiliário, designers brasileiros que estarão presentes no ISaloni trazem uma série de práticas sustentáveis, como a reutilização de madeira, o uso de materiais sintéticos e cerâmica impressas em 3D para a criação de peças de porcelana.